quinta-feira, 28 de agosto de 2008

PSD-Madeira vinga-se do PSD nacional

O PSD-Madeira ainda não digeriu o desprezo que o PSD nacional concedeu à possível candidatura do seu idolatrado chefe dr. Alberto à liderança. Como represália e vingança política, quase todos os dias, atacam a dra. Ferreira Leite, a sua líder eleita. O PS agradece esta inesperada coligação.
E quanto à ilustre ideia do tal novo partido do dr. Alberto, este grande projecto não pretende atingir o PS, antes pelo contrário, com esta possível divisão, o PS aplaude. Eu até considero que esta ideia nem tem como propósito destruir o PSD nacional. Este plano político-partidário tem um único objectivo: o interior do PSD-M. No continente ninguém o quer, por isso, precisa de uma solução pessoal.
Na Região, quem ganha eleições é o dr. Alberto e ele quer continuar a ser o líder incontestado, mas com uma auréola renovada, pseudo-restaurada. Quer um partido só seu, limpo de delfins e pretendentes seja lá do que for, criado por si, onde só entra quem ele quiser e como entender.
Teria uma certa piada o dr. Alberto ser o principal responsável pela destruição do PSD-M! O PS assiste ao circo e continua a aplaudir.

9 comentários:

Zé do Cão disse...

Saca as ilusões. O fim do Jardim não está assim tanto à vista.
Basta uma mijadela no canteiro e aí está ele outra vez em pleno.


Um abraço

Espaço do João disse...

E viva o Império das cagarras. Já temos Imperador. Vou tentar fazer a coroa imperial. Terá o formato dum ninho de cegonhas, pois tem de abarcar uma grande cabeçorra e, aninhar muitos agiotas.

elvira carvalho disse...

Passei por aqui. Deixo um abraço e um bom fim de semana

justiceiro disse...

O líder do PS dá hoje uma entrevista ao Tribuna da Madeira onde deixa, pela primeira vez transparecer a sua verdadeira máscara. Diz o homem que, da boca para fora, farta-se de falar de Liberdade e Democracia, diz que os partidos mais pequenos não podem ser considerados como tal, mas apenas como meros movimentos de opinião, e por isso mesmo, não deveriam estar representados na Assembleia se não tivessem uma determinada percentagem (provavelmente 5% como acontece em alguns países. Curioso que Jaime Ramos, e muitos caciques do PSD, pensam exactamente da mesma maneira. Se assim fosse três das forças políticas actualmente representadas na Assembleia Legislativa (PND, MPT e BE) estariam sem representação parlamentar. Por outro lado, se o número de deputados descesse - como defende o líder do PS - para 27 ou 35 deputados, estes partidos também ficariam fora da Assembleia. A isto chama-se fascismo puro. É bem feito para o PND e para o BE, que têm tido uma atitude de não-agressão ao PS, e agora são desconsiderados desta forma pelo homem que dizia querer unir as oposições. Gouveia é, assim, sem sombra de dúvida, uma espécie de Judas Iscariotes que à primeira oportunidade rasteira quem não ataca o PS! Finalmente caiu a máscara do líder socialista madeirense...

Alexandro Pestana - www.miradouro.pt disse...

Convido-vos a ver estas 2 fotos de são vicente, lol:

http://www.miradouro.pt/galeria/main.php?g2_itemId=6945

http://www.miradouro.pt/galeria/main.php?g2_itemId=6949

É assim que o PSD gere o nosso dinheirinho! Depois ainda tem a lata de dizer que é o Sócrates que rouba dinheiro à Madeira! loool

mdsol disse...

E eu que percebo pouco.. até já me atrevi... no post de 29 de Agosto...

4) O dr. A. J. Jardim acenou com a possibiliade de fundar um novo partido. A minha dúvida, sendo ele um animal político (a classificação não é minha), mas com a particularidade de ser bicho na Madeira, é se não estará a confundir partido com pôr tudo em cacos.

Alexandro Pestana - www.miradouro.pt disse...

Para se divertirem, leiam isto:

http://miradouro.pt/foruns/viewtopic.php?f=14&t=216

Ailime disse...

Como é que ainda é possível o dr. Alberto continuar a querer o poder! É uma obsessão!
Ele lá sabe o porquê!
Sobre a posição do PS, penso que já não estão para se maçar acerca do que o dr. Alberto possa vir a fazer!
Depois de tanto o que tem dito e desdito e de tudo o que faz e não deveria ter feito, eu que de política nada entendo, acho que qualquer força política se desgastaria com tudo o que emana dele!
Há só um problema, o povo é que não tem culpa nenhuma e sofre sempre as consequências!
Um abraço.

Anónimo disse...

A aliança agora assumida publicamente entre PS-M e PND-M (através do deputado pintor de construção civil Coelho) vai dar uma vitória certa ao PS!