quinta-feira, 17 de abril de 2008

Audiências condicionadas?

O quê? Mas é mesmo verdade? O Presidente da República recebeu diversos representantes de associações de agricultores com o Secretário Regional da tutela a seu lado, a controlar a sessão?
Mas para quê? Para condicionar a voz dos representantes dos agricultores? De que é que o Governo Regional teve medo? Incrível! E o Presidente aceitou!
Com os empresários, a estratégia foi a mesma, lá estava o vice-presidente do Governo Regional.
Será que estou a exagerar? Será que é mesmo assim? O Governo Regional tem de estar presente nas audiências do Presidente da República com o associativismo madeirense? Está escrito no Estatuto Político Administrativo? Ou é a bandeira azul e amarela que impõe?
Mas que liberdade de expressão é esta que existe nesta "autonomia de sucesso"? Uma LIBERDADE com VÍDEO-VIGILÂNCIA?

8 comentários:

Fabrício Persan disse...

bom, ainda estou por fora dessa situação governamentais. Mais as suas palavras já iciam uma perplexidade q deveras deve existir !!
no mais, agradecido pela visita meu caro
volte mais vezes ! Adorei seu blog. mta informação boa ! abçO e t+

amsf disse...

E só não esteve o Jaime Ramos, presidente do grupo paralamentar do PSD/M, presente nos encontros do PR com a oposição porque estes foram feitos clandestinamente no hotel. E o que dizer de um PR que recebe os patrões nas que não recebe os trabalhadores (Sindicatos).

attitude_problem disse...

Finalmente encontrei... até porque o mundo é bastante pequeno.
Deixei um mail a pensar que não encontraria o teu espaço...em breves instantes encontrei (não damos conta e pufffff....)
Tanta politica!!!!!! lololol Honestamente gostei do que li não sendo eu nada dada a estas coisas. :))

E acabei por descobrir que atrás de tanta politica há um Homem... lolol

Vou voltar e espero que voltes também lá ao meu mundo tão diferente do teu.

Beijo.

Joana Dalila Santos disse...

Eles "andem" aí

Luis Eme disse...

Grande palhaçada...

enfim, toda a gente entra nos golpes do Jardim... até o senhor Silva...

MouTal disse...

Caro amigo
Mas onde é que você vive?
Cavaco e Jardim são farinha do mesmo saco...
Abraço.

residente disse...

Como diz e bem é a liberdade vigiada que interessa a prepotentes e proprietários de uma democracia limitada e pobre.

Espaço do João disse...

Óh Marquês, Volta cá baixo que eles estão outra vez.