sexta-feira, 25 de abril de 2008

Falta cumprir-se Abril

Madeira sem Abril! Falar do 25 de Abril na nossa Região é quase um acto de ousadia, apenas as vontades inconformadas se atrevem a comemorar a conquista dos valores da liberdade, da igualdade e da democracia, com o olhar fixo na memória daqueles cravos hasteados na rua pelo povo que sonhava por uma vida melhor.
Com Abril foi possível a conquista da autonomia e a integração numa Europa democrática que nos encaminhou depois para um projecto comum. A Madeira passou a receber então milhões de euros de fundos europeus, os governos da República injectaram outros milhões, os impostos dos madeirenses também ajudaram de um modo significativo. Aqui, nasceu, indiscutivelmente, a prosperidade, o crescimento económico e a qualidade de vida chegou a imensas casas.
Embora muitos dos responsáveis políticos de hoje pretendam negar, foi Abril que tornou possível esta contemporaneidade. Mas já agora, onde é que estavam antes daquela madrugada de 1975? Como lutaram (?) contra a ditadura e o colonialismo? Quantos mudaram de pele ao som da “Grândola Vila Morena”?
Depois de Abril e à custa de uma autonomia marcada por uma insistente chantagem política e abusos diversos, enquanto o povo era silenciado com a estratégia da subsidiodependência, com direitos transformados em esmolas, crescia entretanto uma pequena classe de acólitos do poder, sempre privilegiada nas benesses, materialista, pouco cumpridora da lei e das regras democráticas, tendo enriquecido demasiado rápido e sem justificação.

28 comentários:

Alexandro Pestana - www.miradouro.pt disse...

Será que em 2009 vai ser possível mudar esta Mamadeira??

mariadosol disse...

Depois de ler o seu texto só me lembro da canção do Chico Buarque que diz: sei que há léguas a nos separar... tanto mar, tanto mar... sei também quanto é preciso pá, navegar, navegar...
:)

Cris disse...

Bom feriado e obrigada pela visita. vamos ficar em contato ( ou contacto rsrs).

beijão.

Luis Miguel disse...

O que seria da Madeira sem o movimento dos capitães de Abril?

biazinha disse...

Então... bom 25 de Abril!
Veja esses vídeo no youtube:

http://br.youtube.com/watch?v=0WhjumKVwkE&feature=related
http://br.youtube.com/watch?v=ti8AsJZdbDU&feature=related
http://br.youtube.com/watch?v=O7Dp1YuMeP4&feature=related
http://br.youtube.com/watch?v=PsJpeR2K-is

Abraços.

Auréola Branca disse...

Aprendendo, sempre, com suas palavras.
Abraços.

Zé Povinho disse...

O 25 de Abril não é apenas uma data a recordar, nem uma História com alguns protagonistas que dela se apropriaram sem legitimidade. É sobretudo um ideal de Justiça, de Liberdade e Fraternidade que devia nortear as nossas vidas.
O sonho comanda a vida, não devemos deixar de pugnar por um Portugal melhor.
Abraço do Zé

celestina marie disse...

Greetings, so nice to meet you and thank you for your visit to my blog. Have a great day!
Celestina,
la Rea Rose

Sophee-a Laroo Bijoux and Sheri too disse...

So nice of you to visit my blog.....I wish yours was in English so I could read it. The red carnation is lovely.
Have a beautiful day!

D@rk @ngel disse...

Meus amigos/as
Por motivos de saude vou estar ausente da net uns meses...
Mas vou ter cada um de vocês em meu coração!
Ao longo destes anos tenho feito por aqui grandes amizades que guardo com todo carinho ...
Vou sentir muitas saudades !
Sempre que puder visitarei ...
Deixo um grande beijo com todo meu carinho.
D@rk @ngel (gotika)

jguerra disse...

Olá. Confesso que há coisas que já não consigo ouvir porque de tão ditas tornaram-se banais e já ninguém lhes liga. Uma delas é precisamente falta cumprir-se Abril. Mas porquê? Essa resposta nunca tive.
Um abraço

gaivota disse...

será que vai acontecer 25 de abril?
principalmente o respeito e a liberdade de cada um tanto em voga e tão mal conseguidos...
beijinho

Lynn@ The Vintage Nest disse...

Thank You :)

amigona avó e a neta princesa disse...

Li com muita atenção e estou contigo - cumpra-se ABRIL!

Ms Dragonfly disse...

i love that shade of red!

jawaa disse...

Viva a Revolução dos Cravos que trouxe a prosperidade ao povo português. Infelizmente trouxe também o oportunismo dos mal formados que se aproveitaram das benesses da Europa para se transformarem em novos ditadores, os menos informados sob o seu jugo déspota.
Força para os denunciarmos, agora que Abril nos abriu a porta da liberdade de expressão.
Não para sermos mal educados como eles, mas para dizermos a verdade e a gritarmos neste Abril.
Espero que tenhas tido um bom dia!
Um abraço

aguiar disse...

Penso que este 8º deputado do PS-M vai dar muitos votos e credibilidade para 2011!
Vai ser um sucesso!
Viva o Coelho, também já condenado em tribunal!

Jofre Alves disse...

Apesar do desânimo, para mim o balanço do 25 de Abril é extremamente positivo, mas foi para espalhar este desânimo e retrocesso que “eles” fizeram o 25 de Novembro, para acabar com a esperança. Boa semana.

bettips disse...

Percebi isso perfeitamente na Madeira: o pau na mão, o pão na outra!
Quem se opõe é um bravo! E será preciso muito tempo para desembaraçar esse jogo ensarilhado dum soba, parece-me.
Obrigada pelos votos e
Abrçs

@ηη@ ♥ disse...

rui obrigado pela sua visita.
voltarei tambem por aqui para ler com calma
até breve .... se eu conseguir ler as letras do codigo verde !

daniel disse...

Olá

Aí como cá, comilões há!
Claro, que estamos a quilómetros de distância de cumprir Abril!
Se foi oportuna a revolução? Só pecou por tardia, mas o país, ecnómicamente, continua na cauda da Europa!

Daniel

(Un)Hapiness disse...

o 25 de abril foi, de facto uma data mt importante...

se foi uma revolução ou não, isso sim, há q discutir...:). para mim, a revolução foi uma farsa! não foi uma revolução, mas sim uma contestação...dos capitães de abril, pela reivindicação de algumas regalias...mas bah, foi aproveitado da melhor forma, por isso não deixa de ter mérito!

e, além disso, trouxe-nos [isso sim] revoluções a todos os níveis...desde mentais a económicas! disso já falas no texto!:)

há q relembrar, não o dia 25 de abril de 74, mas antes os ideais aí subjacentes...algo que não é cumprido, como se deveria, no Portugal de Hoje!! e não as comemorações que aqui no continente se faz que irão mudar alguma coisa...relembrar sim, agora dar a ênfase que dão em algo que não cumprem, pra mim é treta...

no entanto, óbvio que também aí se deveria relembrar, no mínimo, este dia!:)


kiss

mixtu disse...

há um poemade manuel alegre que fal no abril a fazer, o maio a cumprir

abrazo serrano

mariam disse...

... caí aqui, li, e, sorri!

bom fds e mais outro sorriso :)

Paulo Sempre disse...

Falta, sobretudo, reflectir sobre Abril...
Abraço
Paulo

David Monsores disse...

Crescia entretanto uma pequena classe de acólitos do poder!
A burguesia, um câncer quase incurável!

poetaeusou . . . disse...

*
Aqui te afirmamos dente por dente assim
Que um dia rirá melhor quem rirá por fim
Na curva da estrada há covas feitas no chão
E em todas florirão rosas duma nação
,
zeca
,
abç,
,
*

Oliver Pickwick disse...

Abaixo, a canção Tanto Mar, a homenagem de Chico Buarque, compositor/cantor brasileiro, para a Revolução dos Cravos.

Sei que estás em festa, pá
Fico contente
E enquanto estou ausente
Guarda um cravo para mim

Eu queria estar na festa, pá
Com a tua gente
E colher pessoalmente
Uma flor do teu jardim

Sei que há léguas a nos separar
Tanto mar, tanto mar
Sei também quanto é preciso, pá
Navegar, navegar

Lá faz primavera, pá
Cá estou doente
Manda urgentemente
Algum cheirinho de alecrim


Um abraço!