sexta-feira, 30 de janeiro de 2009

Carlos César: INACEITÁVEL, não havia necessidade!

Carlos César disse: “É muito importante que o próximo Governo da República seja do PS, porque, se for do PSD, a sua primeira tentação será dar cabo desta Lei de Finanças Regionais e levar o dinheiro dos Açores para a Madeira”
Embora o dr. Alberto João use e abuse deste tipo de discurso, em vez de resolver os problemas dos madeirenses, pois como sabemos, prefere criar um contencioso permanente contra a República, alimentando um fantasma externo, inventando um inimigo da Madeira que só serve para ganhar eleições, não aceito que o presidente do Governo dos Açores, o socialista Carlos César, desça ao mesmo nível do presidente do Governo Regional da Madeira e, mais grave ainda, entregue de bandeja argumentos fortes para o PSD-M esmagar o PS na Madeira.
Já estou farto de ver o PS a nível nacional ganhar eleições à custa da Madeira e agora é o PS dos Açores a querer ganhar à custa da Madeira. Agora vale tudo?
Na Madeira, existe um PS e pelo que se vê é um PS que tem de enfrentar não só o PSD-M, mas também uns senhores do PS nacional e agora o PS dos Açores! Era o que nos faltava!
E nós? E o PS-Madeira? Basta senhores, na política não vale tudo! No mínimo, exige-se responsabilidade e uma verdadeira solidariedade.

2 comentários:

BaBy_BoY_sWiM disse...

Afinal é verdade...

Scherzan disse...

Olha, então o gajo admitiu que houve desvios para os Açores.
Que bacoco, nem sabe o que diz. O homem anda mesmo deorientado. Vai-se a ver, e um quinhãozito do freeporto foi para ele.