quarta-feira, 12 de março de 2008

Cota 500!

A obra, denominada Cota 500, fundamental para o Concelho do Funchal, está repleta de incertezas.
Uma delas refere-se ao traçado escolhido que não virá beneficiar, como deveria, a maioria dos munícipes residente nas zonas altas do Funchal.
Seria interessante publicarem os critérios definidos para este novo traçado. Os moradores estão muito preocupados.
E para tornar o assunto ainda mais nublado e cheio de dúvidas, o projecto da Cota 500 é colocado à discussão pública depois do traçado já estar definido e muitas das expropriações executadas. Então, vamos discutir o quê?
Novamente, a prepotência do PSD-M e dos seus governantes é a lei nesta Região. O exercício do poder assenta numa estratégia onde a discussão, o diálogo e a negociação não têm lugar.
Depois, quando se detectam erros estratégicos, não há responsáveis!

6 comentários:

charlie disse...

o que eu também sei é que a obra já foi adjudicada a um consórcio empreiteiro e que estes estão praticamente parados à espera das discussões, expropriações, decisões, o que for.
Vai ser bonito quando apresentarem a conta devido à imobilização/suspensão dos trabalhos...

Común disse...

Hola!!!!!!!!!

Paso a saludarte y dejarte mis cariños para vos y tus lectores.


Un besote y abrazo de oso.

BaBy_BoY_sWiM disse...

O Secretário disse que se ia discutir agora... Pelo menos ouvi na rádio!

Olhos de mel disse...

Ruy, lindo! As vezes você fala coisas da política daí, que penso está se referindo ao Brasil. Mera semelhança...
Boa semana!
Beijos

Um Momento disse...

Infelizmente quando há erros geralmente jamais há responsáveis...

Bom dia!!

(*)

Alexandro Pestana disse...

O traçado tem de passar encima dos terrenos dos amigos ou dos inimigos hehe por isso so agora depois de estarem certas mamas seguras, é que vai a discussão :)