domingo, 16 de setembro de 2007

O problema do Jornal da Madeira

O Jornal da Madeira existe na Região há quase 80 anos, reconheço que é importante respeitar a sua história e o papel que tem tido no jornalismo regional.
O problema do JM não está nos seus profissionais, nem na qualidade do seu trabalho. Os profissonais que exercem a sua profissão neste meio de comunicação social são homens e mulheres respeitáveis que se dedicam à sua carreira jornalística, mas também porque necessitam de sustentar a sua família. Durante esta discussão, relacionada com a sustentabilidade do JM, ninguém poderá descurar este ângulo do assunto.
Ora, a grande controvérsia do JM não está nos seus profissionais, mas sim na sua linha editorial imposta pelo PSD-M. O Jornal da Madeira assume uma linha editorial de pensamento único, recusando o contraditório. Os artigos de opinião são todos, sem excepção, a favor do poder laranja. Apesar da qualidade de alguns deles, que leio e aprecio, não existe um único escriba com um pensamento diferente das linhas orientadoras do poder instalado. Ali, não pode haver pluralismo ideológico, a única versão é a do sistema do partido do Governo. Na maior parte das vezes, o JM parece um panfleto partidário do PSD-M e é esta imagem comprometida que destrói a credibilidade do jornal e coloca em perigo os postos de trabalho.
Perante este rumo do Governo e do PSD-M, naturalmente que os jornalistas e os outros profissionais, se não quiserem perder o emprego, têm de seguir as ordens sem contestação, adoptando, por isso, um comportamento de auto-sensura. Embora violem o seu próprio código deontológico, esta é uma realidade irrevogável, enquanto o poder regional não aceitar o pluralismo das ideias.
É urgente resolver este problema do JM, sem se esquecerem da vertente humana.
Quanto a gastos e a título de exemplo, em 2005, segundo um relatório do Tribunal de Contas, o Governo Regional concedeu mais de 4,6 milhões de euros ao JM, sob a forma de suprimentos e compra de publicidade.
Hoje, o Jornal da Madeira recebe do GR 7500 € por dia. Isso mesmo, 7500 € por dia!

12 comentários:

Anónimo disse...

Em total desacordo caríssimo. O problema do JM é mais espécimes que o fazem que da linha editorial. Que raio tem a linha editorial a vêr com aquele grafismo mortiço e bexiguento ? As linhas editoriais, caro Rui, são como as T-Shirts; Pegas numa e fazes-lhe publicidade á Beneton, pegas na mesma T-Sirt e fazes-lhe o anúncio estilo Alguidares de Baixo. O resultado final é completamente difirente, sendo que a T-Shirt é que não tem culpa nenhuma. A grande questão é que tirando AJJ, Miguel Albuquerque e outro que agora não me lembra o nome, aquela malta rumina uma escrita pesada e tão alegre como um serviço fúnebre. Que diabo tem isto a vêr com linhas editoriais ?

MajoLuan disse...

Pois é disso mta gente se queixa basta por o diario de noticias e o jornal da madeira ao lado um do outro que vemos as diferenças de uma mesma notícia... até no desporto acontece o mesmo pensei ke o tempo da ditadura tinha acabado mas aki vemos ke nao! ****

amsf disse...

São as linhas editoriais que repelem ou atraem os tais ruminantes que lá escrevem!

Anónimo disse...

E o Dn-M?
Não é uma no PSD e outra contra o PSD?

adrianeites disse...

7500 dia?

está tudo doido!

cp's

Woodworm disse...

Não esxiste um canal de TV público? pk não existir um Jornal subsidiado pelo GR? só lê quem quer... existem alternativas.

Woodworm disse...

Não existe um canal de TV público? pk não existir um Jornal subsidiado pelo GR? só lê quem quer... existem alternativas.

Sol da meia noite disse...

Obrigado pela visita ao meu cantinho.

Lamentável a situação descrita no teu texto.
Mas que fazer... É todo um sistema que assim está montado... Onde a palavra "liberdade", não passa de utopia...

Deixo um beijinho!srtkmeyk

aryana disse...

Desconheço a sua motivação pelo meu espaço de banalidades...por enquanto!!!
Neste blog... tenho-me recusado a abordar e comentar questões de índole política, e pelo que acabo de constactar, é bem melhor continuar a fazê-lo.
Esgotei de todo a minha rica paciência, com episódios tão ou mais insólitos e burlescos que o seu.
Contudo, grata pela visita e volte sempre.

Desconheço como me encontrou,

BaBy_BoY_sWiM disse...

Falta ao Jornal da Madeira... Deixe-me pensar...
Uma imagem melhor... Parece-me sempre um jornal muito "cinzento"... Tem que se aproximar do DN...

E já agora o Diário da Cidade está a passar o Jornal da Madeira!

canto dos sonhos disse...

Olá!
Agradeço pela visíta meu mais novo amigo.
Sua presença será sempre bem vinda.
Bjs!
CARMEN!!!

canto dos sonhos disse...

Olá!
Obrigada pela visíta.
Ela será sempre bem vinda meu "CANTO DOS SONHOS"
Bjs!CARMEN!!!