terça-feira, 4 de novembro de 2008

Petição 'online' contra o teleférico do Rabaçal

O Diário de Notícias da Madeira traz a seguinte notícia:
-
Petição 'online' contra teleférico.
"Isto é o começo, pois vamos mobilizar os cidadãos para o terreno."
Em inglês, em português, da Hungria, da Polónia, madeirenses, açorianos e estrangeiros. São às centenas os subscritores da petição 'online' contra a construção do teleférico do Rabaçal. Em comum têm a opinião de que não faz falta, não interessa e só vai prejudicar a Natureza, a Laurissilva e afastar os turistas da Madeira.
Lançada no sábado à tarde por Paulo Caetano, a campanha conta com o apoio de Raimundo Quintal, de Idalina Perestrelo e Hélder Spínola da Quercus e de mais 550 pessoas (o número às seis da tarde de ontem).

As associações de defesa da Natureza estão a actuar em rede e o apelo contra a possível obra em plena Laurissilva tem já os apoios de ambientalistas dos Açores. Raimundo Quintal garante que virão também de Canárias.
"Esta é uma petição séria, vamos agir em rede, enviar para a União Europeia e para a UNESCO, mas a luta não vai ficar por aqui. Isto é o começo, vamos mobilizar os cidadãos para acções no terreno".
Dispostos a travar aquilo que consideram um atentado contra a Laurissilva ("que não é propriedade privada"), não vão baixar os braços. Entre os que assinaram a petição está também Idalina Perestrelo, da Quercus. A associação já tinha feito uma corrente de emails para enviar à UNESCO e agora juntou-se à petição de Paulo Caetano.
O texto desta corrente é claro, está contra as "velhas desculpas de sempre, em nome de um duvidoso desenvolvimento económico e social; da suposta satisfação e atracção de uma classe turística, que se destrua um raro ecossistema".

De momento, a petição está a passar de mail em mail e o número de subscritores da http://www.petitiononline.com/247132/petition.html não pára de crescer.
Projecto polémico, ainda em fase de projecto e de avaliação de impacto ambiental, a obra será da responsabilidade da Sociedade Ponta Oeste e tem por objectivo ligar o Paul da Serra, a Levada das 25 Fontes e as casas do Rabaçal.
A ideia é transportar com rapidez e sem esforço carga e passageiros entre estes três pontos turísticos. A implantar numa zona de Laurissilva, a dúvida é se os ecossistemas vão aguentar esta infra-estrutura.
Marta Caires
http://www.dnoticias.pt/default.aspx?file_id=dn04010207041108
Eu também já assinei a petição, todos aqueles que concordarem com a iniciativa, façam o favor de fazer o mesmo. Obrigado.





3 comentários:

Fã de Bolo do Caco disse...

Descobri o seu blog quando procurava mais informação acerca da petição. Envie-me o link por favor para chaves.iolanda@gmail.com
Não estou a conseguir aceder à petição. Obrigada

Luísa Henriques Gouveia disse...

Eu já assinei!

Anónimo disse...

O meu nome é Sandra Pereira e fiquei a saber do projecto para o Rabaçal através do diário, o que eu posso dizer é que acho uma estupidez sequer terem pensado em fazer tal coisa porquê? Porque quem vai para o Rabaçal, já sabe que vai para a aventura vai para caminhar,desfrutar do que mais perfeito temos e mesmo assim parece que não estamos satisfeitos temos que encher de betão,só para agradar algumas pessoas de negócios porque é só isso que importa no final dinheiro.Depois venham dizer que estamos perdendo os turistas é de admirar!!!cy