segunda-feira, 15 de março de 2010

Barroso diz que PEC é credível

O presidente da Comissão Europeia, Durão Barroso, considera que o Programa de Estabilidade e Crescimento (PEC) do Governo português é credível, feita uma primeira análise.
Durão Barroso, que falava aos jornalistas à margem de uma conferência sobre o Tratado de Lisboa, na Faculdade de Direito da Universidade de Lisboa, sublinhou que é necessário um vasto consenso nacional e vontade política no País para que a execução do PEC seja feita com determinação.
Quanto à proposta de Pedro Passos Coelho, um dos candidatos à liderança do PSD, no sentido de adiar a aprovação do PEC, Durão Barroso disse que não podia entrar no debate político-partidário português enquanto presidente da Comissão Europeia.

1 comentário:

LA PASIONARIA«!NO PASARÁN!» disse...

Se o "cherne "diz que o PEC é bom,então é que não presta especialmente para aqueles que vão pagar a factura,ou seja sempre os mesmos;trabalhadores,desempregados,velhotes,crianças;enfim a "populaça" que já vive no limiar da pobreza causada por politicas "liberais" levadas a cabo ao longo destes 35 anos.
PS+PSD+CDS/PP=São todos farinha do mesmo saco,ou seja;é tudo a mesma merda,só o cheiro é diferente.

Saudaçôes "xuxialistas"